Os sentimentos




Tenho hoje, três sentimentos em mim:

Amor. Sentimento grande e verdadeiro que tenho aqui ainda. Por tudo que possa ter acontecido, não consigo sentir algo diferente do que esse sentimento sincero e puro.

Dor. A dor da separação. Dor de um sentimento que ainda está aqui, tão presente e pulsante em meu coração. Dor da ausência, dor da falta de carinho e da sua atenção.

Ódio. Ódio da maldade. Ódio de quem jogou baixo com minha vida pessoal, de quem expôs algo que não devia, que infernizou. Ódio de alguém com quem você se uniu e desferiu um punhal em meu coração. Mas, tenho a certeza da justiça e pela minha intuição ela virá, esse infeliz não tarda a pagar pelo mal feito e saberei do sofrimento que a vida fará a esse que foi sujo, que é sujo e só eu vejo. Mas, a lei do retorno que a vida traz, em breve me devolverá a paz.

Rasgando o coração


Hoje é aquele dia em que a agonia tomou conta de mim. Sinto meu peito apertado. É como se uma mão apertasse meu coração de uma forma tão intensa, que chega a faltar o ar.
Na realidade, não sei o que fazer com todo esse amor e com tanta saudade.
Fico aqui só e nessa solidão sua imagem é latente, nossas lembranças me cercam e aí a saudade vem voraz. Que dor é essa que não sai de mim, não passa, que me deixa assim, com lágrimas nos olhos, que caem e molham meu rosto, que provoca um soluçar que sei lá, faz faltar o ar. Fico pensando: "será que vai passar?"...tem que passar, afinal, preciso dar um ponto final, já que você não vai voltar, porque seu ponto final já foi colocado. Tenho que conseguir, não sei como, mas, preciso tentar viver sem você, me acostumar sem você, caso contrário, acho que posso enlouquecer.

Que pena!


Nossa história...ah, nossa história nasceu tão assim, de uma maneira até desproposital, de forma natural.
Construímos um caminho tão bonito, um sentimento que foi evoluindo. Sempre lado a lado, sempre conversando, compartilhando, somando, amando!
Por mais difícil que as coisas fossem, sempre era bom nossa companhia mútua. Passeios, viagens, sorrisos, brincadeiras, danças, enfim, nossa diversão em coisas simples.
O tempo passou, meu amor aumentou, mas, do seu lado, num dado momento, talvez tenha se perdido um pouco. Vontades diferentes, talvez isso, mas, acredito que nossos erros acabaram por nos afastar pouco a pouco. Afastou mais você de mim do que o inverso. Atitudes suas que me feriram; atitudes minhas que te irritaram; até tentávamos ajustar algo aqui e ali, mas, outra situação externa causou um mal maior e, por causa de pessoas externas, minha infantilidade falou mais alto e errei...e errei de novo e a rejeição aumentou...e como dói ser rejeitado pela pessoa amada. 
Ah...como eu queria voltar no tempo, ter agido de outra forma. Queria ter uma chance, assim como já dei à você outras vezes. Mas, o tempo...o tempo não volta e a chance nem sempre é dada.
Sabe o que é pior?...é ter aqui dentro de mim, um amor tão grande que você já nem acredita mais. Aí penso: o que faço com isso agora?
Gostaria de um recomeço, gostaria que todas as coisas boas que vivemos se sobrepusessem aos erros, e assim, pudéssemos nos dar uma nova oportunidade, zerando tudo, nos reconquistando,  mas, é pedir muito para você hoje.
Quem sabe o que a vida nos reserva?. Eu sei que sentirei (já sinto) sua falta...só espero que você também possa sentir a minha em algum momento, assim, acreditarei que nem tudo estará perdido.
Precisamos levar o melhor da nossa história e deixar que o bom sentimento fique em nós.
Te amei...te amo!

"Lastimo não só pelo término do nosso relacionamento, mas também, por tudo aquilo que poderíamos ainda viver"

Estou só!

Não pensei que me decepcionaria mais uma vez, mas aconteceu. Atitudes e palavras, quando não estão em sintonia gera a decepção. Cumprir com o que se fala também é um sinal de respeito, foi só isso que pedi, mas, acho que seria um sacrificio para você, afinal, sua sintonia esta em outro lugar do planeta.
Tivemos uma bela história e isso ficará em minha memória. Agora é tentar cuidar da ferida aberta que está aqui.
Sinto-me só, com um aperto no peito que dói...como dói 😓

Coração despedaçado



Depois de sofrer, decidi que não me apaixonaria mais. Ledo engano, você surgiu e com seu jeito, foi me conquistando e então, construímos uma bela história. Vivemos tantos momentos bons, dividimos tantas coisas boas, tantos risos, tantos planos, fomos felizes...foi eterno enquanto durou 😩
Acabou!...que pena, tínhamos tantas coisas ainda. A vida é assim e mais uma vez, meu coração se despedaça, da pior maneira. Que coisa é essa vida! 
Recolherei os cacos, guardarei todas as lembranças boas e levarei pra sempre e espero que meu coração aprenda a viver só para não quebrar o que ainda lhe resta ☹

PESQUISAR